terça-feira, 8 de setembro de 2009

"Sou Fluminense desde antes de nascer. Fui Fluminense ontem, cansado, sofrido, feliz e triste por uma questão de segundos. Sou Fluminense hoje, abatido, traído pelo destino, mas orgulhoso do manto que visto. Serei Fluminense mesmo depois de morrer, como Nelson, como Mario Lago, como Careca. Seria Fluminense mesmo se não existisse, como o Gravatinha". (Autor desconhecido)

2 comentários:

Alessandro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alessandro disse...

Assim, todos seremos Fluminense, sempre!